OTP-Notícias

13
dez

O microempreendedor do aplicativo e o terraplanismo

Ensinam Dardot e Laval que o neoliberalismo tem que ser entendido como uma racionalidade; algo que organiza tanto a ação dos governantes quanto a dos governados; uma lógica que rege as relações de poder e as maneiras de governar e que é capaz de conferir sentido às práticas e limitar o horizonte de reações ao sistema, pois nada além dele

Read more

6
dez

Com 12,4 milhões de desempregados, Brasil bate novo recorde de trabalho informal

Brasil bate novo recorde de trabalho informal, chegando a 38,8 milhões nessa situação entre os mais de 94,1 milhões de pessoas empregadas. Se considerado todos os tipos de ocupações informais – por conta própria ou no setor privado sem carteira assinada ou CNPJ – já são 41,2% da população ocupada. Já a taxa de desemprego ficou estável no trimestre encerrado

Read more

22
nov

MEI: qual o perfil do microempreendedor individual no Brasil

Em 2008, a Lei Complementar n.º 128 criou a figura do MEI (Microempreendedor Individual) que facilita o processo de formalização de profissionais autônomos ou pequenos empresários. Em grande medida, tratam-se de trabalhadores precarizados, alojados numa forma jurídica que tende a ocultar a precarização e a ausência de direitos trabalhistas. O Observatório do Trabalho Precário apresenta um levantamento feito pelo jornal

Read more

18
nov

IBGE: Brasil bate recorde com 38 milhões de trabalhadores na informalidade

O trabalho informal, segundo o IBGE, tem contribuído para diminuir o desemprego, mas afeta a arrecadação previdenciária no País Dados divulgados pelo IBGE nesta quinta-feira 31 mostram que o desemprego ainda atinge 12,5 milhões de pessoas. A taxa é de 11,8% no trimestre encerrado em setembro. Há um recuo de 100 mil no número de desempregados em comparação com o

Read more

8
nov

Precarios.net : Um olhar sobre a experiência portuguesa de organização dos trabalhadores precários

Compartilhe!

28
out

12h por dia, 7 dias por semana, R$ 936: como é pedalar fazendo entregas por aplicativo. Trabalho ou escravidão “moderna”?

O Observatório do Trabalho Precário reproduz matéria do Estadão que demonstra a realidade gritante de trabalhadores de entregas por aplicativo. A propósito, seriam trabalhadores ou escravos modernos? São 12 horas por dia, 7 dias por semana para ganhar 936 reais sem 13º, sem férias, sem descanso, sem direitos. Esse é o “infoploretário”, que alguns chamarão de “empreendedores”. Uma demonstração que

Read more

17
out

Pela regulamentação dos aplicativos de transporte na cidade do Rio de Janeiro – Entrevista com Leonel Brizola

Está em discussão na câmara de vereadores do Rio de Janeiro o PLC 078/2018 de autoria do Vereador Leonel Brizola (PSOL) que propõe a regulamentação dos aplicativos de transportes. Apenas no ano de 2018, a multinacional Uber lucrou 4 bilhões de dólares e pagou apenas 78 milhões em impostos, o que gera diversas consequências como concorrência desleal com os taxistas

Read more

1
out

Cresce a desigualdade de renda no Brasil

Pesquisa do Centro de Estudos da Metrópole (CEM-Cepid/Fapesp) mostra que as diferenças de renda aumentaram entre os que estão na base e no topo da pirâmide dos ganhos e explica as razões para esse crescimento. O trabalho é de Rogério Jerônimo Barbosa, pós-doutorando do CEM, e revela como o desemprego, o desalento – quando a pessoa desiste de procurar emprego

Read more

26
set

O trabalhador organizado está de volta

Greves na General Motors, símbolo do mundo empresarial americano, são coisa séria. A paralisação na semana passada convocada pela central sindical United Auto Workers, a primeira em 12 anos, ganhou as manchetes mundiais e foi uma forte mensagem política sobre o ressurgimento das atividades do trabalho organizado nos Estados Unidos. A recente greve dos pilotos da British Airways pode ter

Read more

23
set

Negras, jovens e pessoas com pouco estudo são a cara do desalento no país

Mulher jovem, preta ou parda e com baixa escolaridade. Esse é o perfil dos desalentados no Brasil, parcela da população que mais do que triplicou em cinco anos e chegou a quase 5 milhões de pessoas, quase 5% da população economicamente ativa. Os dados fazem parte do estudo “Quem são os desalentados do Brasil?”, dos pesquisadores Paulo Peruchetti e Laísa

Read more